Tecnologia da informação

Convertendo PKCS#12 (.p12 ou .pfx) em um KeyStore Java JKS

Neste post mostrarei como converter um arquivo PKCS#12 (.p12 ou .pfx) para um KeyStore Java no formato JKS.

Tanto o arquivo PKCS#12 como o JSK contem o certificado X509 a chave privada assiciada ao mesmo.

Então mãos na massa!

Caso você tenha alguma dúvida de como gerar o arquivo PKCS#12 basta dar uma olhadinha nestes 2 outros posts aqui no site mesmo, eles podem lhe ajudar.

Antes de tentar realizar a conversão é necessário realizar a instalação do JAVA JDK e configuração para que no Path do sistema operacional tenha o caminho %programfiles%\java\jdk1.6.0_21\bin. Vale a pena observar que o caminho pode se alterar conforme a versão do JDK que está instalado.

keytool -importkeystore -srckeystore mykeystore.p12 -destkeystore clientcert.jks -srcstoretype pkcs12 -deststoretype JKS -srcstorepass mystorepass -deststorepass myotherstorepass -srcalias myserverkey -destalias myotherserverkey -srckeypass mykeypass -destkeypass myotherkeypass

Caso necessite você pode listar o certificado do KeyStore com o comando

keytool -v -list -keystore mykeystore.p12

Instalando e otimizando o MySQL para alto tráfego de dados

Na maioria dos ambientes onde é instalado o MySQL não se tem configurações mínimas para um alto desempenho do banco de dados. Neste post não pretendo abordar 100% das técnicas, recursos e tecnologias que poderiam ser utilizadas para otimizar o MySQL, mas sim abordar configurações simples mas muito eficazes para otimização do MySQL.

Leia mais

Instalando InfluxDB 0.9 no ubuntu

InfluxDB (https://influxdata.com/) é uma base de dados serial, muito utilizada para sistemas de sensores e monitoramamento.

Neste artigo mostraremos como instalar o InfluxDB e configura-lo para salvar as base de dados e informações em um segundo disco. Esta metodologia é comumente utilizada em servidores de produção onde tem-se os dados em um disco separado do sistema operacional.

Leia mais

Listando e montando disco pelo UUID no ubuntu

O UUID (Universally Unique Identifier) pode ser utilizado para identificar um disco como ponto de montagem. A estratégia de utilizar o UUID ao invés do nome do dispositivo é mais interessante pois caso você troque o disco de porta física, haveria muitos problemas de ponto de montagem incorreto.

Para listar todos os seus discos e seus respectivos UUIDs basta executar o comando abaixo

 

ls -l /dev/disk/by-uuid
lrwxrwxrwx 1 root root 10 Oct 29 11:21 1cadf475-fa59-4809-a3a0-667bc581f44c -> ../../sdb1

 

Para montar o seu disco usando o UUID basta alterar o seu fstab para utilizar o UUID ao invés do device conforme o exemplo abaixo:

#Modo antigo de montar
/dev/sdb1 /media/dados ext4 defaults 1 2

#Modo Novo
UUID=1cadf475-fa59-4809-a3a0-667bc581f44c /media/dados ext4 defaults 1 2

 

 

Criando repositório único de arquivos para diversos servidores usando NFS

O objetivo deste post é demonstrar como criar um único repositório de arquivos para acesso através de diversos servidores. Você pode estar se perguntando onde e como devo utilizar isso? Bom, há muitas utilizações mas uma delas, e a motivadora deste estudo e post, e a possibilidade de você armazenar em um único lugar todo o conteúdo do seu site web (/var/www) e poder utilizar por diversos servidores balanceados, ou seja, você poderá ter 10 servidores Web acessando um único /var/www sem ter que se preocupar toda vez que atualizar um arquivo em um servidor ter que replicar para os outros.

Leia mais

Configurando o raspberry para iniciar através do HD externo

O Objetivo deste post é demonstrar passo a passo como configurar um Raspberry Pi para utilizar um HD externo como base do seu sistema operacional. Isso é interessante pois dependendo da aplicação que você for realizar no Raspberry terá problema com o SDCard que tem uma limitação de gravação e escrita e consequentemente crash do sistema.

Leia mais

Balanceamento de carga usando Iptables e Squid

Após muita pesquisa em fóruns on-line, bem como muitas configurações erradas, muitos cabelos perdidos, estou trazendo a você um passo-a-passo para configurar o Iptables e Squid para possibilitar o balanceamento de carga utilizando uma única instancia (instalação) do Squid e Iptables.

O balanceamento de carga, neste nosso ambiente, tem o objetivo de possibilidar que você tenha 2 ou mais provedores de acesso a internet (ex.: ADSL, Cable, etc…) balanceanco o seu tráfego de rede balanceado entre eles.

Leia mais

Adicionando HD em um linux sem reboot

Quando é utilizado um ambiente virtual (VMWare) é possível adicionar novos discos sem a necessidade de reiniciar o servidor. Porém o linux não identifica automaticamente este novos disco em /dev/sdX, desta forma este procedimento visa mostrar como realizar a releitura deste disco.

Digite o comando abaixo para listar os discos:

ls -ltr /sys/class/scsi_host

Execute o comando (trocando hostX por um dos hosts listados co comando anterior) abaixo para scanear o disco e mapear as unidades /dev/sdX:

echo "- - -" > /sys/class/scsi_host/hostX/scan

Opcionalmente você pode executar o comando abaixo que realiza esse passo-a-passo acima de forma automática

for h in `ls /sys/class/scsi_host/` ; do echo "- - -" > /sys/class/scsi_host/$h/scan; done